terça-feira, 19 de setembro de 2006

Radicais curiosos...

Para já, aviso q n vou falar de nenhum desporto radical ou atleta de algum desporto radical. Mas também aviso já q visitar e ler o q está escrito neste blog, caro leitor, é uma coisa bastante radical... n, n desafia a morte, nem parte ossos a ler o conteúdo do blog (isto sem contar c os inumeros acidentes de gente q leu um post e a seguir bateu violentamente c a cabeça numa parede), mas desafia sim a certas lesões cerebrais. Passemos ao assunto...

Estas férias, como é de se esperar, fui à praia ver os bikinis q por lá andavam e dar um mergulhinho pa refrescar. Ora bem, nesse dia até tava acompanhado por um amigo, vamos trata-lo como "Emílio", e ao entrar na agua disse: "FODASSE PÁ, vou morrer d hipotermia!" ao q o "Emilio" respondeu: "É pá, isso não porque prontos e tal..."... e foi aí! Assisti a uma revelação! Porquê hipotermia? É que o radical hipo-, do grego, quer dizer cavalo e termia está relacionado c a temperatura... Então nós podemos morrer por termos uma temperatura igual à de um cavalo? Confuso... E após esta iluminação, fiquei c curiosidade e fui fazer uma pesquisa sobre este radical q tão presente está na nossa língua...

Hipopótamo... -potamo, também do grego, quer dizer rio... então... Cavalo do rio?! Pá, desde quando é q um hipopótamo é parecido c um cavalo?! Tipo, porra!! Estes gregos são mesmo estupidos! Às tantas encontraram um cavalo num rio prestes a morrer afogado e em vez de o ajudarem, tiveram ali a filosofar sobre o nome q iam dar ao animal: "Ora bem, ele é um hipo e está num potamo..." e vira-se Sócrates "JÁ SEI!!! HIPOPÓTAMO!!" E prontos, lá foram ele fumar + ganza, porque a moca da anterior já tinha passado... Sim, não se iludam, porque para dizerem coisas como "Eureka!" e "Só sei que nada sei" é preciso tar-se bem pedrado.
Adiante! Depois de ter visto isto, lá continuei eu c a pesquisa e deparei-me c + um caso...

Hipoteca... Toda gente sabe o q isto é e p'ró q serve, mas após a minha pesquisa fiquei bem + esclarecido. -teca (sim, do grego) quer dizer lugar, coleção. Dito isto, uma pessoa chega à conclusão q hipoteca afinal é um lugar onde se colecionam cavalos. Quer dizer... MAS QUE PORRA!!! Afinal qual é a relação entre os gregos e os cavalos? Será que sentiam ciumes do tamanho dos genitais dos cavalos? É que não se percebe!!

Pronto, e foram estas as conclusões da minha pesquisa. Eu imagino q por esta altura ja devem tar a dizer mal de mim e tal, mas vocês leram isto porque quiseram! AH! e se se perguntam o q aconteceu ao cavalo do caso do hipopótamo...














TAMBÉM N SEI!!! AHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAH!!!
Ó pá, eu mato-me c estas minhas piadas....

3 comentários:

PT disse...

Eu axo k sei o k aconteceu ao cavalo. Cá pa mim, engoliu demasiada água, ficou do tamanho dum hipopótamo (a origem dos hipopótamos acabou de ser explicada) e depois, veio postar aki no Fugem. Alguém partilha a mesma ideia que eu?

PT aka PT, excepto quando nao kero. Nesse caso sou outra coisa qualquer...

Leandro disse...

Hipo também pode significar 'abaixo'; 'escassez'. Acho que agora vai fazer mais sentido.

Diego Wolv disse...

e... hipócrita?? Uma pessoa que mente descaradamente, como um cavalo??

Adorei essa analise profunda sobre o hipo qualquer coisa..