terça-feira, 29 de abril de 2008

Introdução à Sequela dos Bróculos

Pronunciam vocês: "Quem é este nabo?",
E pronuncio eu: "O nabo novo que escreve coisas com títulos que mencionam legumes e que faz referências ocultas a vegetais diversos.".

E pronunciam vocês: "Que aglomerado de fezes é que ele está para aqui a pronunciar?"
E pronuncio eu: "Não pronuncio, escrevo".

E agora estão a pensar "Este gajo mastiga filtros de café usados, só pode".
E eu penso "Heh, que gajos estúpidos, ainda estão a ler isto".


E aqui começa a introdução - ou melhor, a explicação. Aquela do "porquê um post sobre bróculos?"

Primeiro: é preciso variar um bocadinho. O porn/spam do Diogo já cansa, vamos falar de coisas verdes e moles. Pode ser?

Segundo: os bróculos fazem parte duma família de plantas dicotiledôneas dialipétalas, cuja flor tem uma corola caracterizada pela disposição em cruz de suas quatro pétalas.

Terceiro: estas fantásticas... coisas, têm sido alvo de várias investigações por parte da comunidade científica. Eu também. Gosto deles.


É agora que vocês pensam: "Para além da cena dos filtros, este lobotomizado bebe desodorizante unisexo por palhinhas. Que gajo estúpido."


E eu penso "Ena pá, este Nivea é bom".

3 comentários:

Diogo Gonçalves disse...

*clap*clap*clap

Apadrinho-te!!

Fábio disse...

Fábio - variante de "Fabiano", que vem do latim e quer dizer "fava que cresce, feijão crescendo".

O puto do meu nome
tem vegetais lá po meio, e eu detesto cenas verdes.

Com um pouco de filosofia (que eu também detesto) digo assim..

Este post tem bróculos.
Bróculos são vegetais.
O Fábio odeia Vegetais.
O Fábio odeia o post porque tem Bróculos (que são vegetais, e ainda por cima verdes xd)

No fim diria ainda...

Esta porra foi um PT upgrade, saiu um J.Coisa... na falta do melhor, siga mas sem falar de bróculos.

Querem conquistar a minha simpatia? eu dou palavras chave... Julia, Milf, Pinheiro, Madureira, Porn, POV aka FPS, Zé Nuno, Poker, Gajos de mecânica que eu quero matar, Turok (enquanto eu não me fartar).


Espero que o poster perceba que isto são elogios e que continuo o seu trabalho vegetal no fugem ;)

MiguelOliveira disse...

grande post!!! quase fiquei ecxitado e com vontade de conhecer J. Costa
fabio, grande comentario
abraços