quinta-feira, 1 de junho de 2006

o que eu queria ser...

2x2=? se souberem a solução desta "mutlipilcação"(ou como raio se chama) são demasiado inteligentes para estarem a ler este blog...

Venho aqui hoje falar-vos de algo que me incomoda bastante e que é, obviamente, um assunto de nenhum interesse social, mas visto que me livrei dos inteligentes no príncipio... bem, estou aqui para falar de tubérculos: as batatas são tubérculos.

E pronto, agora que já desabafei convosco este tormento da minha alma, posso passar a temas menos interessantes, como por exemplo: óculos. Ah pois é, os óculos estão a tomar conta do Mundo e nós nem damos por isso. São os óculos e as sandálias, mas dessas eu tratarei mais tarde... Quanto aos óculos, eu espero que mais alguém tenha reparado no poder que um par de vidros tem na sociedade. É curioso que toda a gente ouve as maiores baboseiras desde que sejam ditas por alguém com óculos. Deduzo que será porque dão aquele ar de "eu já vi tanto do Mundo que até fiquei cansado dos olhos", mas não tenho a certeza. E depois as pessoas aproveitam se disso, e vê-se por aí padres, políticos, merceeiros, todos de oculos, só porque têm profissoes em que precisam de ser ouvidos. Tá mal.. tá errado...

Mas eu gostava de ser padre. Simplesmente pelo poder que teria. É engraçado como a igreja pode fazer tudo o que quer e ninguem se incomoda. Ninguém nota, mas é. Eu gostava de me disfarçar de padre e andar pelas ruas a pedir coisas às pessoas, do género:
-Empreste-me o seu carro, tenho que dar boleia a um anjo para o Céu;
-Podia dar-me a sua mobília? É que eu tenho que guardar umas coisas que Deus me emprestou;
Ou então, se estivesse mesmo com lata:
-Bom dia, não quer vir à missa um dia destes?

Coisas assim, só mesmo para ver a reacção das pessoas. Outra que era gira era eu ser técnico de uma fábrica responsável pela rotulação de embalagens. O poder dessa gente... Podia trocar o rótulo de leite magro com o de leite gordo, só para ver a frustração de dietas que não funcionam, ou trocar o rótulo de um sumo de laranja por um de banana e maracujá, e ver os clientes de um café a queixarem se de bebidas estragadas... Que bela vida...

1 comentário:

Lilia disse...

wow...ok....grand analise...perdes t cmpletamnt...ms sao divagaçoes mt filosoficas =) ...vou passar ca mais vzs..

e...n precisas d tr oculos pa sers ouvido, pods ser gay, transexual, maluko cronico ou despirs t no mei da rua e cantars "its raining man..,aleluia!!"

tb serve :p

fica